Seja bem-vindo ao mundo dos chatos com carro!

#Anodofeito

Youtube Instagram

5 carros com a pior pintura de fábrica

AoRaboni AoRaboni

|

17 de Setembro de 2021

Sem categoria

Sim, eles existem, mas é importante ressaltar que, não são de carros ruins que vamos falar, mas sim carros que necessitam de trabalho redobrado para cuidar. Precisa de mais atenção na hora de lavar, aplicar produtos para não danificar, cuidar como um bom chato com carro cuida do veículo. Vamos à lista:

1- Palio

O Palio desde muito tempo, a pintura queima muito facilmente. Quem comprava um seminovo já podia notar, que estava com a pintura queimada. Outros carros da Fiat também são da mesma forma e o Palio é o mais comprado. 

2- Honda

Os carros da Honda, historicamente, já são muito frágeis na pintura. Qualquer esbarrão, já cria-se um risco na lataria. O motivo para tanta fragilidade pode ser uma reducao de custos, ou uma nao adaptacao ao Brasil. Pode ser que no Japao, por exemplo, o carro nao tenha tantos danos como no Brasil, afinal, sao climas, tudo muito diferente. O que nao faz serem carros ruins, somente carecem de mais cuidado. 

3- Corolla

O Corolla, vindo da mesma origem japonesa do Honda, tambem apresenta fragilidade. O carro danifica muito facil principalmente por conta do verniz muito fragil. 

4-  Hillux

A caminhonete e muito grande, preparada para andar na terra e com uma pintura fragil. Essa combinacao nao foi boa, pois por ser grande, as pessoas podem ter menos cuidado ao lavar, com isso, lavando de qualquer jeito e danificando a pintura. 

5- Renault

Completando a lista, alguns carros da marca francesa, Renault, possuem a pintura muito frágil. Há um jeito de saber se os carros são frágeis na pintura ou não, mas também é importante o auxílio de um profissional, siga as dicas:

  • Verniz Macio: aquele verniz que é mais frágil, danifica a pintura com mais facilidade. Como por exemplo, carros asiáticos como os citados acima da Honda, Toyota e outros. 
  • Verniz Médio: carros onde o verniz possui uma resistência intermediária, entre o macio e o duro.
  • Verniz duro: alta resistência ao contato externo. Geralmente carros europeus como Audi, Porsche, BMW, possuem o verniz mais duro. 

Lembrando que:

Para manter a pintura do seu carro sem danos, deve-se lavar os carros com shampoo automotivo neutro, nada de detergente, sabão, como já foi falado aqui no blog e claro, luva de microfibra. Nada de toalhas, buchas e afins que danificam a pintura. 

Deixar o carro com a pintura bem cuidada é importante, pois ela faz agregar e perder valor no veículo. E você não quer perder valor por uma coisa tão fácil de cuidar, não é mesmo? 

Cera de carnaúba e vitrificador, também são ótimos aliados nessa proteção.

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

Como limpar as borrachas da porta de seu carro?

AoRaboni AoRaboni

|

10 de Setembro de 2021

Sem categoria

Para tratamento de plásticos, também tem técnica, se liga nessa informação!

Sabe aquela borracha que fica envolta das portas, que volta e meia você entra, sai e vê um monte de poeira concentrada e acaba não limpando sempre? Pois é, a gente vai te falar como limpar e deixar essas borrachas limpas como novas. Com ela ressecando, começa a danificar e assim, em tempos de chuva, começa a entrar água no seu carro, então, é preciso cuidado.

Ao entrar água no carro, pode provocar mal cheiro de tecido molhado, que não fica nada agradável, ainda mais se tratando de chatos com carro. Para essa limpeza, será necessário um APC automotivo, e tem que ser bom, de qualidade para fazer dar certo. O APC é um produto muito versátil, que pode ser usado em qualquer parte interna do carro como bancos, couro, plástico, borrachas e tecidos.

Aplicação

Para aplicar o APC, basta borrifar na superfície, neste caso, a borracha e com a ajuda de um pincel, ir espalhando até formar uma camada branca de espuma. Em seguida, com uma microfibra, retirando o excesso de produto e limpando. Com essa aplicação simples, além de retirar a sujeira, restaura a cor da borracha, ficando mais bonita.

Outros usos do APC

O produto também pode ser usado para o tratamento de plásticos. Há o uso direto e indireto dos produtos. O direto, borrifando diretamente na superfície, o indireto sendo colocado em um utensílio, por exemplo, um pincel e em seguida aplicando no local. No caso dos plásticos, o mais indicado é o uso indireto, pois evita o excesso, de escorrer e acabar manchando o local.

Em seguida, novamente, passa-se a microfibra para retirar o excesso e assim como as borrachas, o plástico também ficam com a cor muito mais viva.

Precauções

O mais indicado para este tipo de tratamento é o APC. Muitas pessoas usam um pano úmido com água, que não retiram a sujeira mais profunda do local ou usam produtos inadequados que podem ter substâncias químicas que podem danificar a superfície a curto, médio e longo prazo.

Como 2+2 são 4, produtos de boa procedência e técnica certa unidas são capazes de resolver qualquer problema do carro.

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

Como aplicar uma proteção?

AoRaboni AoRaboni

|

1 de Setembro de 2021

Sem categoria

Quem é chato com carro, não deixa o carro desprotegido de jeito nenhum né? Por isso é importante a aplicação de uma proteção que vai proteger com a vitrificação, sua pintura de riscos, arranhões e de tudo que possa danificar o seu carango. Sabe aplicar? Se não, segue o fio que vamos te ensinar tudo! A começar pelo óbvio, a aplicação do produto.

É muito simples! Com uma luva de micfrofibra, você aplica algumas gotas do vitrificador. Em seguida, passa em sua lataria, formando uma curva como se fosse um *s*, posteriormente, cobrindo onde foi passado espalhando na vertical de cima para baixo. Com a mesma microfibra, pelo lado que não foi aplicado o vitrificador, você pode lustrar a pintura para ficar com um visual brilhoso.

Os vitrificadores podem durar por muito tempo. Há alguns com duração de 1 ano e outros que chegam a 3 até 5 anos. Uma ótima opção para uma proteção de fácil aplicação, duradoura e com pouco gasto.

O QUE É VITRIFICAÇÃO?

A vitrificação automotiva é um sistema de proteção para a pintura que, após aplicado o produto no carro, cria uma camada de proteção ultrarresistente. Esse processo protege a pintura dos raios UV, UVB, fezes de aves, seivas de árvores e também das variações climáticas, que muitas vezes danificam o carro. A vitrificação é a tecnologia mais moderna e mais segura quando o assunto é proteção de pintura.

Este processo, além de aumentar e revitalizar o brilho da pintura, forma uma película superprotetora. Além de proteger seu carro, a vitrificação intensifica o brilho da pintura.

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

Como fazer lavagem a seco no seu carro?

AoRaboni AoRaboni

|

26 de Agosto de 2021

Sem categoria

Lavagem ecológica, biolavagem, você sabe como realizar uma lavagem a seco? Então fica ligado que a gente vai te mostrar

A lavagem a seco nada mais é, como o próprio nome já diz, sem usar água. A primeira coisa que deve-se pensar é que o carro não pode estar muito sujo, pois a sujeira, ciscos, poeira em contato com a lataria seca, vai causar arranhões e danificar também a pintura, e não é isso que queremos! A lavagem a seco é recomendada para pessoas que moram em ambientes menores como apartamentos, que não tem um grande espaço disponível para a lavagem convencional.

Uma boa dica está no tecido que vai ser usado para esta lavagem. A microfibra deve ser a mais macia. O pano que se assemelha a uma toalha, gera maior possibilidade da poeira entrar em atrito com a lataria e arranhar. Uma boa para a lavagem a seco é a de 200 Gsm. É importante um produto que faça a lubrificação para esta lavagem, o mais indicado é a cera à base de carnaúba, ela faz uma leve película de proteção, que pode durar até aproximadamente 15 dias.

A lavagem deve começar de cima para baixo, assim como a lavagem tradicional, usando 3 microfibras. Uma para retirar o excesso de sujeira, outra para retirar o excesso de produto que vai ser passado e a terceira, para dar um lustro final no carro. Lembrando que isso inclui a pintura, rodas, pneus, vidros, borrachas, tudo mesmo. Lembre-se sempre de lubrificar bastante, pois quanto mais lubrificado, menor a chance de riscar a pintura.

Quanto mais sujeira, mais produto deve ser aplicado, sempre em movimentos retos de cima para baixo, nunca em movimentos circulares, para evitar manchas na pintura. Sempre seguindo com as três microfibras citadas acima. Em seguida, fazer este mesmo processo no carro todo. Gostou dessa informação? Você pode ver no vídeo abaixo que está em nosso canal no YouTube, a prática para fazer tudo certo e se quiser ver todas nosso conteúdo em tempo real, é só nos acompanhar nas redes sociais:

Instagram: @aoraboni

YouTube: Canal Ao Raboni

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

Como não deixar o seu farol amarelar?

AoRaboni AoRaboni

|

19 de Agosto de 2021

Sem categoria

Quem é chato, nojento e insuportável com carro, não cogita pensar em deixar alguma parte de seu carro, depreciar. Isso inclui, até partes pequenas, como os faróis. Eles costumam com o tempo, amarelar. E nesse post, vamos te ensinar a como não deixar o seu farol amarelar com o passar do tempo. Lembrando que o farol amarelado não é uma questão somente estética, mas sim, de segurança. O farol amarelado faz perder eficiência em visibilidade ao dirigir, principalmente à noite.

Alguns fatores que contribuem para o amarelamento dos faróis são, a frequência do sol diretamente nele, produtos químicos de limpeza não adequados e a falta de atenção com essa parte do carro, são agravantes para ele amarelar. Como não deixar isso acontecer? Aplicando uma proteção. Ou seja, prevenindo o amarelamento antes de acontecer e não consertando depois que ele já aconteceu.

Para essa proteção, usa-se um revelador de holograma. Com uma luva de microfibra, se aplica no farol. Em seguida, vai aplicar um vitrificador de farol. O vitrificador cria uma espécie de uma película de vidro, não deixando qualquer impacto atingir a superfície. Caso o produto caia na lataria no momento da aplicação, é só retirar com a microfibra, que não danifica a pintura. A cera é uma opção de muitos, porém, sua durabilidade na proteção é bem menor.

Feita a aplicação, agora é retirar o excesso com a luva de microfibra, após esse procedimento, vai ser perceptível em como o farol ficará com muito mais brilho e o melhor, conservando, dando valorização ao veículo. A chave para uma boa conservação é o cuidado com o uso de produtos na lavagem. Sendo feita de forma correta, a proteção no farol pode durar até 2 ou 3 anos. O tempo mínimo que geralmente pode durar é entre 8 e 9 meses.

O vitrificador pode custar em média R$ 140,00 e o revelador de holograma, em média R$ 40,00. Ficando um gasto muito em conta, tendo em vista a economia que traz, com a proteção do veículo. Ainda pode reutilizar o produtos várias vezes.

Gostou dessa informação? Nos acompanhe nas redes sociais:

Instagram: @aoraboni

YouTube: youtube.com/aoraboni

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

Aprenda a fazer o pretinho do pneu brilhar e durar mais tempo

AoRaboni AoRaboni

|

10 de Agosto de 2021

Sem categoria

Hoje vamos tratar de um assunto que não fica só na estética automotiva, ele é quase uma terapia, um orgulho quando o chato com carro acaba de aplicar. É ele! O pretinho no pneu. Há algumas pessoas que gostam mais do pneu brilhando, outros, bem pretinho, mas com o aspecto mais fosco, mais natural. Seja como for, é preciso saber aplicar esse recurso da forma certa no carro. 

Os produtos mais comuns, que você pode encontrar nos supermercados por exemplo, eles não dão, geralmente, muito brilho ao pneu, mas caso isso aconteça, a culpa não é só do produto, mas também da forma que ele é aplicado.  Aqui você vai aprender a fazer seu pretinho durar mais e ficar mais bonito no seu pneu. 

Limpeza do pneu

Ao limpar, é importante que limpe, porque a poeira faz com que o produto não tenha aderência e dure menos. Então não esqueça deste primeiro passo. Outro detalhe importante é que o pneu precisa estar seco. 

Tipos de produtos

Há diversos tipos de pretinho. Alguns dão menos brilho, mas duram por mais tempo e outros que dão mais brilho e duram menos tempo. 

Aplicação 

O ideal é usar um aplicador de espuma, pois, se aplicar com um pincel, ao sair com o carro, o produto pode espirrar na lataria, a sujando. O pincel não faz uma boa aderência na borracha. Outra opção é uma espuma de aplicação de cera. É bom ter cuidado com o excesso de produto.  

Camadas

Ao aplicar o pretinho, a primeira camada normalmente não dá o brilho. Pois a borracha absorve o produto. Aproximadamente 20 minutos depois, pode-se aplicar a segunda camada, sendo esta, a que vai dar o brilho no pneu que você busca. As duas camadas se complementam, pois a de cima sai com um menor tempo, mas o pneu não fica feio, pois tem a camada de baixo que serve uma durabilidade maior ao brilho. 

Excesso de produto

Se ao final da aplicação, você ver que está com excesso de produto, pode-se retirar um pouco com uma flanela. Fazendo isso, evita a sujeira na lataria, fique atento para não ter trabalho depois de limpá-la. 

Duração 

A duração do brilho depende de muitos fatores. Geralmente é bom dar um retoque a cada 15 ou 20 dias. Mas isso depende do uso do carro, do produto que usou, é bom ficar de olho dia a dia se o brilho está acabando, para fazer uma nova aplicação.  

Curtiu? Para mais informações do mundo da estética automotiva, nos acompanhe nas redes sociais:

Instagram: @aoraboni

YouTube: Ao Raboni

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

Entrevista Pingue-pongue com Igor

AoRaboni AoRaboni

|

4 de Agosto de 2021

Sem categoria

Nosso mais chato com carro favorito, no melhor de todos os sentidos, já contou sua história pra muita gente ver, ouvir e sentir. A vida de Igor, Maria Luiza e da grandiosidade que a Ao Raboni se tornou passou a ser conhecida por muita gente, e isso pode-se confirmar os mais de 700 mil inscritos no Youtube, mais de 200 mil no Instagram, além da admiração infinita de muitos fãs.

Separamos aqui, algumas perguntas em que mais foram respondidas em reportagens, entrevistas, para você saber mais a profundo a história da Ao Raboni e dos nossos chatos com carro.

Como aconteceu essa mudança de lava-jato para estúdio de estética automotiva?


No começo do meu negócio, investi apenas R$ 172,00 na porta de casa, com muita determinação e com ajuda da minha esposa, Maria, que me ajudava na captação de novos clientes, bem como no atendimento, o lava-jato foi crescendo com a utilização da internet, principalmente com o nosso canal no YouTube, que hoje possui mais de 700 mil inscritos, que abriu caminho para divulgação e expansão do negócio que virou um estúdio de sucesso.

Em decorrência da pandemia, várias cidades tiveram lockdowns. De que forma o seu negócio se adaptou a esse desafio?


Foi um momento de levar conscientização para os nossos clientes de como poderíamos trazer soluções pra vida deles no combate ao vírus. Fizemos, inclusive, uma ação de um dia inteiro com tratamento de ozônio gratuito no carro deles, essa estratégia impactou muito, mas com os clientes o desafio foi menor pelo fato de sempre reforçarmos em nossas redes sociais a importância do cuidado e higiene do carro.

O estúdio tem uma pegada bem diferente dos demais, provavelmente isso contribuiu para que vocês alcançassem o lucro de R$1,7 milhão em plena pandemia. Além da temática automotiva, o que mais você oferece no espaço?


Com o crescimento do negócio, sempre almejei oferecer serviços diferenciados para os meus clientes, criamos uma plataforma de cursos online e presenciais, gerando capacitação acessível e mão de obra para o mercado de trabalho, tudo no mesmo complexo. A nossa ideia é oferecer um grande espaço de convivência, enquanto o cliente espera o seu carro ficar pronto.

O que você fez para se reinventar em meio a pandemia e crescer o seu negócio?


Nessa pandemia o crescimento foi de aproximadamente 314%, isso devido a agilidade da nossa empresa ao criar as estratégias para o período, e por antes da pandemia já termos estruturado um curso online, que tinha como respaldo nossa própria empresa como case de sucesso da eficiência do método que ensinávamos, isso unido ao fato de várias pessoas perderem seus empregos, resolveram investir naquilo que amam, e esse fato nos fez ter um crescimento exponencial, com mais de mil alunos formados.

O que você espera para o futuro?

Com certeza em crescer, após essa pandemia, já temos em mente uma ideia de criar franquias do nosso empreendimento em várias cidades do país. Quero fazer muito mais do que se imagina com R$ 172,00 reais.

E qual o conselho você daria para quem está começando agora o seu próprio negócio?


Sempre digo que o segredo não é o negócio, e sim a estratégia. Não é o que se faz, e sim como se faz. Todos nós precisamos aprender a fazer de um jeito diferente e assim encantar nossos clientes de um jeito diferente.

Nos acompanhe nas redes sociais:

Instagram: https://www.instagram.com/aoraboni/

YouTube: https://www.youtube.com/aoraboni

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?

De papo com a Maria: 5 coisas para não usar no seu carro

AoRaboni AoRaboni

|

27 de Julho de 2021

Sem categoria

Se você é amador ou profissional da estética automotiva, é preciso saber que há produtos que não podem chegar nem perto do seu carro

Quem é chato com carro, gosta de saber de tudo que prejudica a estética do veículo, para não deixar nem chegar perto para não danificar, mas há produtos que nem mesmo os mais chatos, nojentos e insuportáveis com carro, sabem que prejudicam. Então se liga nessas dicas que eu, Maria, gestora da Ao Raboni, separei para vocês!

1- Massa de polir

Eu preciso te falar que já tem recursos muito mais eficazes do que esse para o polimento. Existem produtos que possuem a densidade da massa, mas que agridem menos a pintura. A massa se não for usada da forma correta, ela pode queimar a pintura do carro, então evite, traz aqui para a loja que a gente resolve. Assim como a massa, vamos falar também do Solupan…

2- O Solupan também não é um erro tão grande, são erradas algumas formas de usá-lo. Geralmente possui ácidos, alcalina dentre outras substâncias em excesso. Nada de usar no tratamento de plásticos! Ele pode queimar borrachas, plásticos, vidro, pintura, trazendo um prejuízo para o bolso, que acho que ninguém quer né? Agora vem ele…

3- O querosene! Tá passada?! O que tem de gente que usa no carro, não imagina que ele pode te deixar numa fria. O querosene é muito usado com o intuito de dar brilho, mas com um deslize ele pode manchar, queimar sua pintura. Tendo em vista esse risco, melhor não tentar né?

Outro puxão de orelha que vou te dar é com

4- Óleo diesel: há pessoas que usam na pintura. Hoje tem muito mais recursos adequados que dão o toque seco, mas sem prejudicar a estética. Tem pessoas que usam até no tratamento e limpeza de motor. O diesel acelera a depreciação de alguns materiais como plástico e borracha, fazem-os estragar muito mais rápido. E por último mas não menos importante…

5- Óleo de mamona: ele tem uma ação depreciativa muito parecida com o do diesel, estraga borracha, plástico e não entrega o que é prometido, que é a proteção. Acho que não preciso nem escrever aqui sobre a esponja de cozinha e o detergente né? No carro, nem pensar! Tem outro texto que falamos disso, clica aqui, que você vai ver.

Esses foram os meus recados e em breve eu volto aqui para trazer mais informações para vocês chatas e chatos com carro. Nos acompanhe nas redes sociais:

Instagram: https://www.instagram.com/aoraboni/

YouTube: youtube.com/aoraboni

Últimas postagens

Central de ajuda

Alguma dúvida sobre nossos serviços, treinamentos ou processos de cuidado com os carros?